Principais medidas da cimeira do G20

 

Ontem na cimeira do G20 estiveram reunidos países como a China, os EUA e a Rússia. Em conjunto apresentaram um programa destinado a apoiar o crédito, o crescimento e o emprego, e que passa, nomeadamente, por triplicar os recursos do FMI.

 

Principais medidas da cimeira de Londres:

 

– Reforço da regulação dos mercados financeiros, incluindo os “Hedge funds” que passam a ser alvo de regulação e supervisão;

 

– Controlo de salários e prémios remuneratórios de altos quadros e exigência de relatórios de responsabilidade social a todas as empresas;

 

– Controlo de Paraísos Fiscais, em que a era do segredo bancário termina, evitando perda de receitas fiscais. Uma das medidas é a aplicação de sanções para quem não aceitar reger-se pelas normas internacionais;

 

– Agências de Notação (Rating) Financeira passarão a ter de se reger por um código internacional de boas práticas destinado a evitar conflitos de interesse;

 

– Reforço de Reservas bancárias  como "amortecedor" de crises financeiras. Este reforço só deverá acontecer após a recuperação da actual crise;

 

– FMI e Banco Mundial recebem reforço de um bilião de dólares, triplicando os seus recursos e capacidade de financiamento;

 

– Apoio na dinamização do Comércio mundial, com pacote de 250 mil milhões de dólares aprovados e rejeitando medidas proteccionistas.

 

[Vêr artigo completo in Jornal de Notícias, 3 de Abril de 2009]

 

 


Licenciado e Mestre em Gestão de Empresas. Presidente da Gesbanha, S.A., especialista em capital de risco e empreendedorismo, investidor particular ("business angels") e Presidente da FNABA (Federação Nacional de Associações de Business Angels). Director da EBAN e da WBAA

Share This Post

Related Articles

© 2020 Francisco Banha Blog. All rights reserved. Site Admin · Entries RSS · Comments RSS
Designed by Theme Junkie · Adapted by KMedia.pt