Líder mundial de telemóveis lança topo de gama num mercado em crise

A Nokia lançou o novo smartphone, um dos melhores telemóveis alguma vez lançados. Este já se encontra nas lojas portuguesas, com um preço livre de 699 euros. Apesar do preço, o cliente terá acesso a características inovadoras, como são: Ecrã táctil e teclado QWERTY, em preto ou branco, mémória de 32 gigas, câmara de cinco megapixels, 3G, Wi-Fi. Possui extras como o Nokia Maps 3.0, Nokia Messaging, Ovi Store, Nokia Music Store e widgets, como Sapo, Facebook ou Twitter.

O novo director-geral da Nokia Portugal, Luís Peixe, classifica-o de "último grito" da líder mundial de telemóveis e afirma que: "O N97 não é um telemóvel, é uma solução de comunicações". A Nokia fez questão de dizer na apresentação, que não se trata de um talemóvel para nichos. É o state-of-the-art que lhe faltava, uma bomba de tecnologia que a põe novamente no topo da inovação, o que é essencial num mercado onde há fabricantes a aproximarem-se do seu espaço.

Embora não tenham sido avançadas previsões de vendas, a empresa espera  que o N97 venda tão bem quanto o N95, que apesar de caro vendeu dez milhões de unidades em todo o mundo.

 

Jornal i, 26.06.2009


Licenciado e Mestre em Gestão de Empresas. Presidente da Gesbanha, S.A., especialista em capital de risco e empreendedorismo, investidor particular ("business angels") e Presidente da FNABA (Federação Nacional de Associações de Business Angels). Director da EBAN e da WBAA

Share This Post

Related Articles

© 2020 Francisco Banha Blog. All rights reserved. Site Admin · Entries RSS · Comments RSS
Designed by Theme Junkie · Adapted by KMedia.pt