"Portugal não precisa de ideias. Precisa de acções. Acções dirigidas aos outros, não a quem as produz. Um exemplo? Uma orquestra progride e forma um conjunto coeso através do espírito de equipa dos seus membros, da sua entreajuda, do seu ajuste recíproco. Do resultado beneficiam todos!"

Álvaro Cassuto, Maestro, ao Jornal i em 7/08/09


Licenciado e Mestre em Gestão de Empresas. Presidente da Gesbanha, S.A., especialista em capital de risco e empreendedorismo, investidor particular ("business angels") e Presidente da FNABA (Federação Nacional de Associações de Business Angels). Director da EBAN e da WBAA

Share This Post

Related Articles

© 2020 Francisco Banha Blog. All rights reserved. Site Admin · Entries RSS · Comments RSS
Designed by Theme Junkie · Adapted by KMedia.pt