O Reconhecimento do Mérito.

Na passada sexta feira tive o grande privilégio de ter estado presente, em Santarém, na Cerimónia de Entrega de Diplomas aos alunos da Escola Internacional de Línguas, liderada pela Empresária Eduarda Reis, que mais se destacaram no ano lectivo 2008/2009. Foi um momento particularmente bonito e estimulante uma vez que verifiquei que independentemente do sector de actividade e do tamanho das Organizações se encontram no nosso País Entidades que fazem da procura da Excelência um dos caminhos com que trilham a sua evolução. De facto a avaliação de desempenho é fundamental para que essa Excelência seja alcançada pois não permite que a mediocridade seja aceite mas sim que se dê valor ao Mérito.
Ao longo da minha vida empresarial dei sempre muito valor ao Mérito com que as minhas Equipas demonstram o seu desempenho no desenvolvimento das suas actividades.
É por isso que acredito que a minha Organização, a EIL ou grandes empresas como a SONAE, apenas tem lugar para Profissionais/Estudantes com capacidades Suficientes, Boas, Muito Boas, e Excelentes uma vez que para os medíocres as coisas tornam-se muito mais díficeis pois os mesmos não são aceites.
E não é por nada de especial. Mas tão sómente porque estes acabam por não dar um contributo positivo às Organizações nas quais se inserem acabando por se desmotivarem e impedirem que se verifique um adequado Clima a que o meu Professor Americano de Comportamento Organizacional designava, já em 1994, por “Learning Organization”. De facto como pode uma empresa ser uma ” Learning Organization” se tiver no seu seio profissionais abaixo de “Suficiente”???.
Nesta pequena nota- a que espero voltar noutra altura com mais detalhe- não quero deixar de aproveitar para desejar a todos os Alunos, Pais, Professores, Staff e sua Direcção para que continuem a desenvolver as suas actividades com elevado profissionalismo e dedicação e a fazer desta Cerimónia de atribuição de diplomas um momento muito importante das suas actividades, pois só assim poderemos contribuir para que a Sociedade Portuguesa dê o salto qualitativo que tanto necessitamos.


Licenciado e Mestre em Gestão de Empresas. Presidente da Gesbanha, S.A., especialista em capital de risco e empreendedorismo, investidor particular ("business angels") e Presidente da FNABA (Federação Nacional de Associações de Business Angels). Director da EBAN e da WBAA

Share This Post

Related Articles

© 2020 Francisco Banha Blog. All rights reserved. Site Admin · Entries RSS · Comments RSS
Designed by Theme Junkie · Adapted by KMedia.pt