PROPOSTAS PARA A ESTABILIDADE E O CRESCIMENTO- CIP

Partilho a proposta que a CIP apresentou à Troika, relativamente ao equilíbrio orçamental, crescimento económico e ao mercado de trabalho. Recordo que sou Vice-Presidente do Conselho Geral da CIP para o triénio 2011-13, enquanto Presidente da Direcção da FNABA.

 

“Num contexto de insustentáveis restrições ao financiamento da economia portuguesa nos mercados financeiros internacionais, Portugal viu-se na necessidade inadiável de pedir a activação dos mecanismos de suporte financeiro previstos pela União Europeia.

 

Nesse quadro, a CIP apresenta as propostas que considera indispensáveis com vista ao necessário reforço do processo de ajustamento dos desequilíbrios orçamentais e macroeconómicos acumulados ao longo de mais de uma década.

 

Tal ajustamento terá de ser prosseguido de forma a criar as bases para um crescimento económico sólido e sustentável, pelo que deverá salvaguardar e favorecer a competitividade das nossas empresas.

 

A CIP considera ainda que:

 

(1) os sacrifícios que decorram do Programa de Ajustamento devem ser repartidos de forma socialmente equilibrada e equitativa, de modo a proteger os mais vulneráveis;

(2) o Programa de Ajustamento, tendo embora presente a necessidade de sanear as Contas Públicas, atenda igualmente a que é crucial criar condições para o crescimento económico, a melhoria da produtividade e a criação de emprego.”

 

Conheça aqui as propostas em:  http://www.cip.org.pt/irj/servlet/prt/portal/prtroot/com.sap.km.cm.docs/cip/conteudos/pagina/noticias/b0fa858c-854d-2e10-c08b-b9b0f4f77426.xml


Licenciado e Mestre em Gestão de Empresas. Presidente da Gesbanha, S.A., especialista em capital de risco e empreendedorismo, investidor particular ("business angels") e Presidente da FNABA (Federação Nacional de Associações de Business Angels). Director da EBAN e da WBAA

Share This Post

Recent Articles

© 2020 Francisco Banha Blog. All rights reserved. Site Admin · Entries RSS · Comments RSS
Designed by Theme Junkie · Adapted by KMedia.pt