Google Ventures

A Google Ventures – braço de capital de risco do gigante Google há muito aguardado – foi criada este mês com o objectivo de "descobrir e fazer crescer empresas com elevado potencial", ajudando empreendedores desde a "garagem" ao reconhecimento internacional. A empresa surge com intuito de investir em várias indústrias, desde a internet de consumo, software, hardware, tecnologias limpas, biotecnologia e tecnologia aplicada à saúde e em várias fases de investimento – desde seed a mezzanine.

O conceito de Corporate Venture, aqui adoptado pelo Google, é algo que defendo há já muitos anos para Portugal, dado que existem inúmeros projectos que beneficiariam claramente no seu crescimento se fossem amparados por grandes grupos económicos nacionais com capacidade de investimento, sinergias internas e consumo teste dos novos produtos/serviços.

 

Aproveito para destacar um artigo que escrevi já há algum tempo mas que permanece actual dada a relevância do tema: O PSI 20 e as Corporate Ventures.


Licenciado e Mestre em Gestão de Empresas. Presidente da Gesbanha, S.A., especialista em capital de risco e empreendedorismo, investidor particular ("business angels") e Presidente da FNABA (Federação Nacional de Associações de Business Angels). Director da EBAN e da WBAA

Share This Post

Related Articles

© 2020 Francisco Banha Blog. All rights reserved. Site Admin · Entries RSS · Comments RSS
Designed by Theme Junkie · Adapted by KMedia.pt