Grupo Auto Sueco e o fundo de capital de risco Caravela adquirem MBE Sotkon e José Manuel Novo

2008 LUSA – Agência de Notícias de Portugal, S.A.

2008-05-07 18:27:38

 

O grupo Auto Sueco e o fundo de capital de risco Caravela anunciaram hoje a aquisição das empresas MBE Sotkon e da José Manuel Novo, líderes no fabrico, montagem e instalação de contentores enterrados para resíduos sólidos urbanos.

 

A aquisição de 60 por cento do capital da empresa espanhola MBE Sotkon e da totalidade da portuguesa José Manuel Novo pelo grupo Auto Sueco e o fundo de risco Caravela, gerido pela Inter-Risco, vai permitir criar um novo líder no mercado ibérico de fabrico, num investimento avaliado em 17 milhões de euros.

 

A compra das duas empresas foi efectuada através da ASFC, empresa controlada em conjunto pelo grupo Auto Sueco e pelo Fundo Caravela.

 

Segundo um comunicado, estima-se que a empresa resultante da fusão, ainda com nome a designar, apresente no final de 2008 um volume de negócios da ordem dos 19 milhões de euros.

 

"A nova empresa estará presente em toda a Península Ibérica, terá duas unidades de negócio no exterior, e reforçará com este investimento a sua posição de liderança no mercado dos contentores enterrados", adianta.

 

Além disso, esta operação vai permitir à nova empresa cumprir a sua estratégia de crescimento orgânico em Espanha e em Portugal, num mercado ibérico que tem crescido mais de 50 por cento ao ano nos últimos cinco anos.

 

Os contentores enterrados representam, por si só, uma fatia de mercado da ordem dos 2 por cento do sector dos contentores de resíduos sólidos urbanos.

 

Com esta operação, o lançamento internacional do negócio vai ser acelerado através de instituições privadas e públicas, em Singapura, Angola, Brasil e nos Estados Unidos.

 

"O novo grupo conta ter nos próximos quatro anos uma implantação consolidada em cerca de oito novos mercados", salienta em comunicado.

 

Os consultores envolvidos no processo de aquisição foram a PricewaterhouseCoopers (due-diligence) e ao nível do apoio jurídico, a Uria Menendez, o gabinete jurídico do Banco Português de Investimento (BPI) e a Telles de Abreu & Associados.

 

O grupo Auto Sueco é constituído por um conjunto de empresas de referência em Portugal e no estrangeiro, abrangendo cinco áreas de negócio, automóvel, indústria, comércio, serviços e imobiliário.

 

Fora de Portugal está em Espanha, Angola, Namíbia, África Austral, Brasil, Cuba e nos Estados Unidos.

 

Já o Inter-Risco é uma das entidades líderes no ramo de Private Equity (capital de risco) em Portugal, que gere uma carteira de mais de 100 milhões de euros.

 

Por sua vez, o Fundo Caravela é um fundo de capital de risco que visa realizar investimentos de consolidação sectorial e aquisições em pequenas e médias empresas portuguesas.

 

Este fundo é patrocinado pelo Banco Português de Investimento (BPI) e pelo Fundo Europeu de Investimento (FEI).

 

JS

Lusa/Fim


Licenciado e Mestre em Gestão de Empresas. Presidente da Gesbanha, S.A., especialista em capital de risco e empreendedorismo, investidor particular ("business angels") e Presidente da FNABA (Federação Nacional de Associações de Business Angels). Director da EBAN e da WBAA

Share This Post

Related Articles

© 2020 Francisco Banha Blog. All rights reserved. Site Admin · Entries RSS · Comments RSS
Designed by Theme Junkie · Adapted by KMedia.pt