As mulheres empreendedoras da TagusValley

Em Abrantes, Santarém, foram apresentados dez novos projectos empresariais ligados ao empreendedorismo rural, elaborados exclusivamente por mulheres. Os projectos foram apresentados à Tagusvalley- Associação para a Promoção e Desenvolvimento do Vale do Tejo.

Os dez projectos tiveram o acompanhamento por três meses da incubadora Tecnopólo do Vale do Tejo, incubadora e serão dinamizados por 12 mulheres seleccionadas de um universo de 120, todas com habilitações ao nível da licenciatura, estando numa situação de desemprego e inscritas no Centro de Emprego local. As suas ideias de negócio foram consideradas viáveis e inovadoras pela incubadora liderada por Céu Albuquerque.

Os projectos empreendedores “em incubação” passam por negócios como ateliers de imagem, produção de óleos essenciais, academia de estudos, estufa de sistema hidropónico para plantação de morangos, atelier de arquitectura e paisagismo, entre outros.

Este é o segundo exemplo que partilho esta semana de iniciativas simples, mas inovadoras de desenvolvimento local- neste caso, empreendidas por mulheres.

FONTE: Lusa

 


Licenciado e Mestre em Gestão de Empresas. Presidente da Gesbanha, S.A., especialista em capital de risco e empreendedorismo, investidor particular ("business angels") e Presidente da FNABA (Federação Nacional de Associações de Business Angels). Director da EBAN e da WBAA

Share This Post

Related Articles

© 2020 Francisco Banha Blog. All rights reserved. Site Admin · Entries RSS · Comments RSS
Designed by Theme Junkie · Adapted by KMedia.pt