Oportunidade de Ser um Business Angel!!!

 

O clima actual é uma altura perfeita para empresas jovens, entusiastas e ágeis se constituírem e prosperarem.

Muitas vezes existe tendência para culpar as condições económicas e a falta de financiamento dos bancos como as principais razões para justificar as dificuldades que as PMEs possuem de criar riqueza ou seja de conseguirem afirmar os seus produtos e serviços nos mercados nacionais e até mesmo internacionais.

Contudo também penso que os empreendedores precisam de se responsabilizar e orientar os seus negócios de acordo com estratégias empresariais adequadas aos tempos difíceis que estamos a viver. Recordo a propósito que os empresários para além de precisarem de uma boa ideia de negócio, determinação, coragem e um pouco de sorte para que a mesma seja bem sucedida também necessitam de procurar soluções capazes de contribuírem para esse sucesso.

Ao nível das soluções recomendo o conhecimento pormenorizado, por parte dos empreendedores, da linha de financiamento, criada no âmbito do Programa COMPETE, de apoio à actividade de Business Angels no montante de 28 milhões de euros aos quais acrescem 15 milhões de euros dos próprios B.A., para a criação e arranque de novas empresas com forte capacidade de desenvolvimento e valorização.

Merece igualmente particular atenção por parte dos investidores, em start-ups, a aprovação em sede do Orçamento de Estado para 2010, de um estímulo fiscal que permitirá aos B.A. portugueses deduzir 20% do valor investido, na criação de novas empresas,até ao montante de 15% da sua correspondente colecta em sede de IRS.

Inspiro por isso os empreendedores e investidores portugueses a aproveitarem as oportunidades existentes através da criação de novos negócios pois como diz um velho provérbio chinês, as fortunas são feitas em boas alturas; os impérios são construídos em tempos difíceis.

 


Licenciado e Mestre em Gestão de Empresas. Presidente da Gesbanha, S.A., especialista em capital de risco e empreendedorismo, investidor particular ("business angels") e Presidente da FNABA (Federação Nacional de Associações de Business Angels). Director da EBAN e da WBAA

Share This Post

Related Articles

2 comentários a “Oportunidade de Ser um Business Angel!!!”

  1. Rui Amaral says:

    Excelente!!! Mas ainda assim um programa repleto de burocracia. Outros tempos houve em que um homem fazia uma empresa e aquilo ou dava certo ou dava certo! – se desse errado, o tipo estava condenado á fome. Isso levou-nos a um estado de arte, onde só hoje conhecemos o sentido pleno da palavra Inovacao. Antes por receio natural ao risco de diferenciar e inovar, simplesmente nada de novo se apresentava. E por medo, tudo se mantinha igual. O estimulo empreendedor era vago de competitividade. Somos fortes e competitivos apenas em produtos e servicos que nos sao típicos… o vinho, o azeite, a cortica…. hoje contamos com novas competencias em áreas mais ousadas, mas ainda falta…. O estado de arte governamental de um passado recente tao-pouco ajudou a tornar-nos uma massa mais inovadora e mais ágil no empreendorismo e na capacidade de risco.

    Hoje afirmamos que existe grande estímulo. E sim existe! Porém, ainda com alguns erros herdados do passado: concorrer a esse estímulo é demasiado burocrático. Demora demasiado tempo de resposta.

    E se a resposta fosse dada em 48 horas. A super promessa do empreendorismo moderno. Somos ávidos por velocidade, problemas que nao sao problemas pois todos podem ter uma solucao. Depois pedem-nos planos de negócio que sao sempre adulterados por nós mesmos, porque academicamente somos treinados a fazer de tudo para ganhar… enfim e isso ainda cria mais entropia a todo o processo.

    Em 5 empresas criadas consegui ter sucesso em 3. Vendi-as e quero mais e mais… normal, o jogo é esse, ou pelo menos essa a minha estratégia.
    Quando considero um programa desta índole, o Compete, ou outro, fico limitado no tempo… a ideia morre, ou morrem outras com a espera e a possibiliadde de faltar sempre algum que outro aspecto nao contemplado.

    Se os criadores da Google, Mac, Microsoft, Youtube, E-bay, Amazon, FaceBook vivessem em Portugal, eles concorreriam a estes planos? Um plano destes possui velocidade de resposta e análise face a um empreendedor desta natureza?

    (…) e, se no limite, nao existir capacidade critica de análise real do retorno de um projecto tao abstracto como o de publicar filmes home made num site (you tube)??? Os visionários nunca sao entendidos numa fase inicial, por isso sao visionários.

    Fica a eterna questao: Quem decide ou pode decidir outorgar um montente significativo, para um projecto visionário. Seria arrogante dizer que de uma análise de mercado e tendencias se tem uma verdade absoluta do que irá acontecer. Afinal o Tabaco existe e o cancro também… e ainda assim o Tabaco vende.

    – A resposta pode ser. Um INOVADOR deste tipo (assumamos do tipo Bill Gates) nao precisa disto…
    Sim é certo, mas é com estes exemplos que todos corremos atrás do fillet mignon, right?¿

    – como remate: tenho uma ideia bestial para implementar em Bogotá. Nao tenho dinheiro 🙂 se alguém quiser apadrinhar a ideia, por favor disponha

    Best regards, from Colombia,
    Rui Amaral

  2. Marco Bruno Cunha says:

    Boa Noite Sr. Rui,
    Li com atenção as suas palavras. de facto em Portugal existe uma longa burocracia em torno de um movimento tão crucial para o nosso país.
    Gostaria que me falasse um pouco da sua ideia de negócio. estou interessado .
    contacte via email.
    Atenciosamente,
    Com os melhores umprimentos,
    Marco Bruno

© 2020 Francisco Banha Blog. All rights reserved. Site Admin · Entries RSS · Comments RSS
Designed by Theme Junkie · Adapted by KMedia.pt